Saúde 

Os 10 mitos e verdades sobre hipertrofia

É comum nas academias ver as rodinhas de amigos discutindo determinados tópicos sobre hipertrofia muscular. Esse é tema que gera muita discussão e certamente interessa muita gente. Você já pensou em tirar as dúvidas com especialistas que entendem do assunto? Para acabar de vez com alguns equívocos, Damaris Dias, professora da Smart Fit, maior rede de academias da América Latina, revelou os 10 mitos e verdades sobre a modalidade, confira!

Verdade

O sono interfere no processo de hipertrofia

O sono também é responsável pela recomposição muscular e energética do corpo. Dormir o mínimo recomendável de oito horas por dia é de extrema importância para a regeneração muscular, fundamental para o treino.

Mito

Comer carboidrato atrapalha a hipertrofia

A alimentação também é responsável pelos ganhos durante a pratica de musculação. Os carboidratos são importantes no processo de hipertrofia por gerarem energia para o treino. Por isso, é importante consultar um nutricionista para alcançar o objetivo desejado.

Verdade

Não se deve treinar o mesmo grupo muscular em dias seguidos

O intervalo de descanso entre um grupo muscular e outro deve ser respeitado. Objetivo é evitar lesões e recuperar o grupo muscular trabalhado para o próximo treino com dias alternados.

Mito

Treinos longos e demorados garante a hipertrofia

Treinos longos e cheios de exercícios apenas sobrecarregam a musculatura e principalmente as articulações. O segredo é fazer um treino de alta intensidade e não de alta duração.

Verdade

A velocidade e amplitude do movimento interfere na hipertrofia

A amplitude e a velocidade da execução do movimento, interferem no ganho de massa magra. Ao praticar com o máximo de amplitude articular, executando com um tempo maior os movimentos, porém, em baixa velocidade, o praticante recruta mais fibras musculares, ativando o músculo por inteiro.

Mito

Se não sentir dor no dia seguinte, você não tem hipertrofia

A dor muscular no dia seguinte, quando ocorre uma mudança de treino, por exemplo, é comum. Isso acontece porque, geralmente, o organismo está em fase de adaptação a um novo estímulo e com o tempo essas dores tendem a diminuir, ou seja, o praticante continuará tendo hipertrofia mesmo sem sentir dor.

Verdade

O treino aeróbico atrapalha a hipertrofia

Um treino muito intenso de cardio recruta fibras musculares e pode interferir no ganho de massa muscular.

Mito

Quanto mais peso, maior a hipertrofia

A percepção de fadiga muscular necessária para ganhos de massa magra pode ter relação com o peso e a carga, porém, outros fatores são mais importantes, como a velocidade da execução do movimento que não pode praticado de forma muito rápida, pois, corre o risco de ocasionar lesões.

Posts relacionados