double dutchess 1 - Double Dutchess | Fergie lança álbum solo com experiência visualMúsica 

Double Dutchess | Fergie lança álbum solo com experiência visual

Após vazamentos e adiamentos, a cantora Fergie lançou, nesta sexta-feira (29), seu tão aguardado álbum visual. Intitulado Double Dutchess, o projeto é o segundo solo da carreira da norte-americana. Com elementos de pop, rap, hip-hop e reggae, este é o segundo projeto solo da artista. Além das 13 faixas já disponíveis para streaming nas principais plataformas digitais, outros três clipes foram lançados hoje no YouTube.

Álbum visual

Double Dutchess é intitulado pela própria cantora como uma experiência visual completa, um conceito bem parecido com o de “álbum visual”. Isso quer dizer que pelo menos 80% das faixas possuem um complemento visual e todas elas devem ser reproduzidas na íntegra, sem edições para rádio ou quaisquer outras. No caso do Double Dutchess, quem adquire o disco, seja ele físico ou digital, recebe um filme com todos os clipes e algumas imagens de grande impacto, num material de quase uma hora de duração.

double dutchess fergie 365x365 - Double Dutchess | Fergie lança álbum solo com experiência visual
Imagem promocional de Double Dutchess, o segundo álbum solo de Fergie. (Divulgação)

O primeiro álbum visual de sucesso da história da indústria musical foi dos Beatles. Intitulado “A Hard Day’s Night”, foi lançado em 1964. O conceito ficou ainda mais famoso, no entanto, após o lançamento de “Lemonade”, de Beyoncé, em 2016. Bem politizado, o projeto foi composto e co-produzido pela própria artista, e contém uma média-metragem com vídeos intercalados antes de cada uma das 12 faixas. O resultado? Mais de 40 prêmios e um lucro estimado de 3 milhões de dólares por dia apenas com vendas online.

Double Dutchess

O álbum veio 11 anos após o lançamento do primeiro projeto solo de Fergie, o “The Dutchess”. O nome veio a partir de uma semelhança com a Duquesa de Nova Yorque, Sarah Ferguson, que além do mesmo sobrenome tinha o mesmo apelido que a cantora. Foram mais de 8 milhões de cópias e vários hits, como “London Bridge”, “Fergalicious”, “Big Girls Don’t Cry” e “Clumsy”.

Double Dutchess tinha lançamento previsto em 2014, quando Fergie lançou o primeiro single “L.A. Love”. Como o desempenho comercial foi menor que o esperado, a gravadora Interscope decidiu investir menos no projeto, o que levou a cantora a quebrar o contrato. Após isso, Fergie criou o seu próprio selo musical, intitulado “Dutchess Music”.

double dutchess 365x365 - Double Dutchess | Fergie lança álbum solo com experiência visual
Capa de Double Dutchess, o mais novo álbum de Fergie. (Divulgação)

Há 4 colaborações: com Rick Ross em “Hungy”, com Nicky Minaj em “You Already Know” e com YG em “L.A. Love”. Na faixa “Enchanté (Carine)”, o filho de Fergie, Axl Jack, também faz uma participação. Em julho deste ano, a versão original e finalizada do álbum foi vazada na internet.

Fergie

Stacy Ann Ferguson, de 42 anos, ganhou fama e prestígio mundiais como a única vocalista feminina do grupo “The Black Eyed Peas”, do qual passou a fazer parte em 2013. Ao todo, a cantora participou de 4 dos 6 álbuns de estúdio lançados pelo BEP. “The Beginning”, lançado em 2010, foi o último projeto do grupo.

No dia 16 de setembro, a cantora se apresentou no segundo dia de Rock In Rio 2017. A apresentação contou com sucessos do The Black Eyed Peas, do primeiro e do segundo álbuns solo de Fergie, com o lançamento de alguns clipes inéditos como parte do projeto visual do Double Dutchess. O show contou com duas participações especiais: Pabllo Vittar, que cantou parte de “Glamorous” e performou “Sua Cara” junto com a cantora, e Sergio Mendes, que fez uma versão ao vivo de “Mas que Nada”, gravado em 2006 com o BEP.

fergie pabllo 548x365 - Double Dutchess | Fergie lança álbum solo com experiência visual
Um dos pontos altos do show de Fergie no Rock In Rio foi a participação de Pabllo Vittar. (Reprodução)

Todos os clipes lançados como parte da experiência visual de Double Dutchess podem ser assistidos no canal de Fergie no YouTube. O álbum também pode ser ouvido no Spotify:

Posts relacionados